Quinta-feira, 18 de Março de 2010

Natalia Juskiewicz - Um Violino no Fado

É uma violinista que nasceu em Koszalin na Polónia, e já reside em Portugal há vários anos.

Titular de um diploma superior em estudos clássicos de violino, pela Academia de Poznan, uma das escolas mais conceituadas do mundo, iniciou a sua carreira musical como intérprete solista e também  integrando orquestras e formações polacas de prestígio internacional.
Durante umas férias, apaixonou-se de tal forma por  Portugal,  que decidiu radicar-se por cá,  foi com bastante facilidade  que se adaptou-se quer à língua, quer à nossa cultura, afirmando que já se sente também bem  portuguesa.

Aqui desenvolveu um novo percurso profissional, quer a solo, quer fazendo parte de várias orquestras e grupos musicais, actividades que a levaram a viajar intensamente por todo o país, que passou a conhecer mais a fundo. 
No início deste ano, deu o primeiro passo para a concretização de um pessoalíssimo projecto artístico: um disco de Fado clássico onde a tradicional voz é substituída pelo violino.
É uma ideia simples e original, que está a merecer um grande cuidado na sua concretização e é, também, a homenagem sentida por parte de uma violinista clássica que, profundamente tocada pela expressão universal da nossa música, se descobriu com “alma fadista” e quis casar os dois universos, num processo de preparação e amadurecimento, gravou  dois fados, que são o “cartão-de-visita” para um cd, ainda em produção, que se adivinha arrebatador. No estúdio, com a artista, esteve um naipe de músicos de topo, acompanhantes habituais de nomes consagrados.
Foi também filmado um videoclip promocional
que apresenta este projecto, e  a imagem marcante de uma artista invulgar, que conseguiu “cantar o fado” com o violino.
Paulo Costa Pinto in: www.nataliaviolin.com

 

Natalia Juskiewicz, “Um Violino no Fado”. A apresentação está feita, é com imenso prazer que aqui apresento este magnífico trabalho, que é bem representativo de que o Fado toca em muitas almas, para além das dos portugueses.

 

 

 

Música de Alain Oulman

Tema: "Com que Voz"

Guitarra portugueas: Luis Guerreiro

Viola Fado: Tó Neto

Contrabaixo: Vasco Sousa

Realização de Video-Clip: Paulo Costa Pinto

Contacto com o autor: clicando aqui
Viva Lisboa: Força Natália
música: Com que voz, música de
publicado por Vítor Marceneiro às 22:00
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De Luis Melo a 19 de Março de 2010 às 09:03
Fabuloso, o nosso Fado é de facto mais um contributo para a cultura do mundo.
Parabéns pelo seu trabalho, que não tem quanto a mim a divulgação que devia ter, acabei por descobri-lo por um acaso de busca que nada tinha a ver com fado.
Fico é sem saber se Lisboa já está ou não no Guinees?, Vou começar a pesquisar todas estas páginas, nunca pensei que o fado tinha tanta história!
Luis Melo
De José Manuel a 20 de Março de 2010 às 09:46
Apenas me parece inovador, a nível do instrumento porque já o Rao Kiao teve antes esta ideia, só que a Voz era substituída por instrumentos de sopro e não de cordas, como no caso desta menina... cujo "pessoalissimo projecto artístico", afinal, não é nada de completamente novo. Repito, não esquecer que, já antes dela, no século passado, em 1982, o saxofonista português Rão Kyao teve essa ORIGINAL IDEIA de pôr o seu saxofone a "cantar o fado", tendo sido o seu INOVADOR album FADO BAILADO um estrondoso êxito, um DISCO DE PLATINA.
Este caso não é mais do que uma réplica, desta vez, com violino, pelo que não desmerece, mas é justo falar aqui do PAI da IDEIA!...
De Vítor Marceneiro a 20 de Março de 2010 às 12:44
Caro José Manuel
Não duvida que eu sei e conheço bem do que fala, que aliás está bem divulgado no meu blogue, aliás também há quem o “cante” em harmónica de beiços, mas concordará que em violino é inédito. Para mim acima de tudo fiquei deliciado com a harmonia, e ainda, por ser uma cidadão Polaca que tem esta iniciativa. O seu comentário é oportuno no contexto da informação... para quem não sabe...mas concordará comigo que eu não tinha razão para o frisar aqui, embora em conversa com a Natália tenhamos falado disso, facto que ela conhece, o que para mim é importante é dizer á Natália “Ah! Fadista”.
Muito obrigado pelo seu comentário e especialmente por visitar este blogue, permita-me ainda que lhe faça uma pergunta: Por acaso viu o Video-Clip que o Saura fez à Argentina Santos, que está aqui publicado?
É que nesse caso aberrante, não mereceu um único comentário, com pena minha.
Saudações fadistas
Vítor Marceneiro
De Carlos Sepulveda a 20 de Março de 2010 às 15:08
Está muito bem, estas experiência com o nosso Fdao, só o valorizam, mostra que não é uma música "amorfa". Publicar aqui, nnum espaço que já ouvi chamar de "classista", é deveras gratificante, se há dúvidas que o Vítor é um homem de cosensos, aqui está mais uma vez a prova, que só por maldicência há quem diga mal, é que aqui para além da qualidade e da veracidade do que nos apresenta, não está escondido atrás de um pseudónimo.
Parabéns Vítor Duarte, não desista.

Comentar post

Clique aqui para se inscrever na
Associação Cultural de Fado

"O Patriarca do Fado"
Clique na Foto para ver o meu perfil!

arquivos

Setembro 2017

Agosto 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Aguarelas gentilmente cedidas por MESTRE REAL BORDALO. Proibida a sua reprodução

tags

10 anos de saudade

2008

50 anos de televisão

ada de castro

adega machado

adelina ramos

alberto ribeiro

alcindo de carvalho

alcino frazão

aldina duarte

alfredo correeiro

alfredo duarte jr

alfredo duarte jr.

alfredo duarte júnior

alfredo marcemeiro

alfredo marceneiro

alice maria

amália

amália no luso

amália rodrigues

américo pereira

amigos

ana rosmaninho

angra do heroísmo

anita guerreiro

antónio dos santos

antónio melo correia

antónio parreira

argentina santos

armanda ferreira

armandinho

armando boaventura

armando machado

arménio de melo - guitarrista

artur ribeiro

árvore de natal

ary dos santos

aurélio da paz dos reis

avelino de sousa

beatriz costa

beatriz da conceição

berta cardoso

carlos conde

carlos escobar

carlos zel

dia da mãe

dia do trabalhador

euclides cavaco

fadista

fado

fado bailado

fados da minha vida

fados de lisboa

feira da ladra

fernando farinha

fernando maurício

florência

gabino ferreira

guitarra portuguesa

guitarrista

helena sarmento

hermínia silva

herminia silva

joão braga

josé afonso

júlia florista

linhares barbosa

lisboa

lisboa no guiness

lucília do carmo

magusto

manuel fernandes

marchas populares

maria da fé

maria josé praça

maria teresa de noronha

max

mercado da ribeira

miguel ramos

noites de s. bento

oficios de rua

óleos real bordalo

paquito

patriarca do fado

porta de s. vicente ou da mouraria

pregões de lisboa

raul nery

real bordalo

santo antónio de lisboa

santos populares

são martinho

teresa silva carvalho

tereza tarouca

tristão da silva

vasco rafael

vítor duarte marceneiro

vitor duarte marceneiro

vítor marceneiro

vitor marceneiro

zeca afonso

todas as tags