Sábado, 21 de Dezembro de 2013

ALFREDO DUARTE JÚNIOR

No dia 23 de Dezembro faria 89 anos, o meu saudoso pai ALFREDO DUARTE JÚNIOR, em sua memória volto a apresentar este video-clip, em que ambos cantamos ao desafio o dueto "A Lucinda Camareira"  com letra de Henrique Rego e música de meu avô "Fado Bailarico" (este Fado também esteve em tribunal nos anos sessenta, pois havia um um individuo que se intitulava autor do mesmo, perdeu acção e a razão, mas outros mais virão).

 

 

Pai  não fazes parte dos paineis das vaidades nem das palestras dos doutorados, mas pertençes a uma geração que ficará na história do Fado da qual fazes parte integrante, e como tal nunca serás esquecido....

 

Dueto " A Lucinda Camareira"

(Pai e Filho)

Alfredo Duarte Jr. & Vítor Duarte

 

 

 Recebi do meu amigo Francisco Pintéus (*), esta missiva sobre meu pai, que publico com muito gosto,  e deveras agradecido.

 

Tenho de Alfredo Duarte Júnior uma memória afectiva muito forte e que me acompanha desde a juventude.
Cedo comecei a ouvi-lo e a gostar do seu estilo: aquele marialvismo da época, mas também a ternura/paixão com que cantava a mulher.
Só mais tarde lhe compreendi a luta contra o sectarismo e a incompreensão.
Lembro-me com saudade da primeira vez que estive pessoalmente com ele: cidade da Beira (Moçambique), ano de 1973/74, eu na guerra colonial e ele cantava na Ronda do Fado (Moulin Rouge). Entrei e perguntei-lhe: "o Cadaval não lhe diz nada?", ao que ele, unindo-me num forte abraço respondeu: "É a nossa terra!"
Faria hoje anos. Mas a memória não se apaga: ele é a prova provada que o FADO, sendo só um, pode ser muitos: depende da forma de o sentir e cantar.
Filho do “Monstro” Alfredo Marceneiro, sempre o honrou e compartilhou o amor ao Fado, herança que este lhe deixou.
Alfredo Duarte Júnior cantou-O como ninguém, e sentia-o como poucos.
Um abraço do

Francisco Pinteus

 

(*) Francisco Pinteus, é um investigador de Fado, fã de Alfredo Marceneiro, e garnde amigo da família, é natural da terra de origens de Marceneiro, o Cadaval, e é o grande impulsionador da "ASSOCIAÇÂO ALFREDO MARCENEIRO", da qual é neste momento o Presidente da Assembleia Gera.

 

Contacto com o autor: clicando aqui
Viva Lisboa: Que Saudades... pai
música: Lucinda Camareira
publicado por Vítor Marceneiro às 00:02
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 22 de Dezembro de 2011

ALFREDO DUARTE JÚNIOR - Fadista Bailarino - MARCENEIRO I I

 

Faria hoje 86 anos se estivesse entre nós,  o meu saudoso pai Alfredo Duarte Jr:

 

 

Mais sobre Alfredo Duarte Jr.

 

http://lisboanoguiness.blogs.sapo.pt/150488.html

http://lisboanoguiness.blogs.sapo.pt/163631.html

Contacto com o autor: clicando aqui
música: Dueto pai e filho -SER FADISTA
publicado por Vítor Marceneiro às 22:00
link do post | comentar | favorito
Sábado, 23 de Outubro de 2010

ALFREDO DUARTE JÚNIOR

Ainda na memória dos verdadeiros amantes do fado, o «castiço» Alfredo Duarte Júnior sempre fez por honrar o nome de seu pai, o inesquecível Marceneiro, verdadeira legenda de oiro do Fado Tradicional. Se a história do Fado tem vindo a ser escrita, através dos tempos,  acerca dos  seus mais     expressivos intérpretes, é inegável que a carreira de Alfredo Duarte Júnior merece vir a ocupar Interessante e importante capítulo. Este video foi filmado pela RTP1 na inauguração da Casa do Fado e da Guitarra Portuguesa, curiosamente Alfredo Duarte Júnior, não tem nenhuma referência no painel de fotos que lá existe, mas fiquem certos que ele fará parte da história do Fado, embora desconhecido de alguns "investigadores/escritores/divulgadores - cientificos" e fazedores de palestras destas coisas do Fado,  (obra feita é claro), esses sim passando a glória efémera e oportunista, deles ninguém falará daqui a uns tempos.

Contacto com o autor: clicando aqui
Viva Lisboa:
música: Fado Nosso
publicado por Vítor Marceneiro às 00:08
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2009

Há Palhaços... e Palhaços...

 

Alfredo Duarte Júnior

canta: SER PALHAÇO

Letra de Carlos Conde Música de Alfredo Marceneiro

Contacto com o autor: clicando aqui
música: Ser Palhaço
publicado por Vítor Marceneiro às 00:27
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Domingo, 25 de Fevereiro de 2007

Três Vidas Três Gerações

"TRÊS GERAÇÕES"

Reperório de Alfredo Duarte Júnior

 

Letra de: João Alberto 

Música de Alfredo Marceneiro

 

Três vidas, três gerações

Que enternecem corações

Fazem lembrar o passado

Primeiro, segundo e terceiro

A família Marceneiro

Toda ela canta o fado

 

Com fim nobre e altruísta

Esta geração fadista

Usa o lenço por brasão

Seja virtude ou defeito

Uso o lenço por respeito

Desta nossa geração

 

Eu sou povo, vida e fado

E o fado tenho cantado

Num estilo muito meu

Marceneiro é a expressão

Duma longa geração

Que para o fado nasceu

Contacto com o autor: clicando aqui
publicado por Vítor Marceneiro às 14:50
link do post | comentar | favorito
Clique aqui para se inscrever na
Associação Cultural de Fado

"O Patriarca do Fado"
Clique na Foto para ver o meu perfil!

arquivos

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Site Portugues
Aguarelas gentilmente cedidas por MESTRE REAL BORDALO. Proibida a sua reprodução

tags

10 anos de saudade

2008

50 anos de televisão

ada de castro

adega machado

adelina ramos

alberto ribeiro

alcindo de carvalho

alcino frazão

aldina duarte

alfredo correeiro

alfredo duarte jr

alfredo duarte jr.

alfredo duarte júnior

alfredo marcemeiro

alfredo marceneiro

alice maria

amália

amália no luso

amália rodrigues

américo pereira

amigos

ana rosmaninho

angra do heroísmo

anita guerreiro

antónio dos santos

antónio melo correia

antónio parreira

argentina santos

armanda ferreira

armandinho

armando boaventura

armando machado

arménio de melo - guitarrista

artur ribeiro

árvore de natal

ary dos santos

aurélio da paz dos reis

avelino de sousa

bairros de lisboa

beatriz costa

beatriz da conceição

berta cardoso

carlos conde

carlos escobar

carlos zel

dia da mãe

dia do trabalhador

euclides cavaco

fadista

fado

fado bailado

fados da minha vida

fados de lisboa

feira da ladra

fernando farinha

fernando maurício

florência

gabino ferreira

guitarra portuguesa

guitarrista

helena sarmento

hermínia silva

herminia silva

joão braga

josé afonso

júlia florista

linhares barbosa

lisboa

lisboa no guiness

lucília do carmo

magusto

manuel fernandes

marchas populares

maria da fé

maria josé praça

maria teresa de noronha

max

mercado da ribeira

miguel ramos

noites de s. bento

oficios de rua

óleos real bordalo

paquito

porta de s. vicente ou da mouraria

pregões de lisboa

raul nery

real bordalo

santo antónio de lisboa

santos populares

são martinho

teresa silva carvalho

tereza tarouca

tristão da silva

vasco rafael

vítor duarte marceneiro

vitor duarte marceneiro

vítor marceneiro

vitor marceneiro

zeca afonso

todas as tags